A Lesão Desportiva

Lesões agudas e lesões por sobrecarga

A Lesão Desportiva

Vivemos atualmente numa sociedade fisicamente mais ativa em comparação com o passado, variando desde a prática de exercício físico amador, ao desporto profissional coletivo ou individual.

No decorrer da atividade física, qualquer indivíduo está suscetível à lesão, que pode ser motivo de incapacidade, dependendo do seu contexto, localização e gravidade.

De forma generalizada podemos dividir as lesões desportivas em lesões agudas e em lesões por sobrecarga/over use.

  • No caso das lesões agudas salientam-se os macrotraumas. Descrevem-se como eventos únicos e violentos, com início súbito e mecanismo de lesão próprio. E associam-se, mais frequentemente, aos desportos de equipa envolvendo contacto físico como é o caso, por exemplo, do futebol, basquetebol ou rugby.
  • As lesões por sobrecarga / overuse são caracterizadas por se prolongar no tempo, uma vez que ocorrem por microtraumas graduais e progressivos. Relacionam-se com a solicitação constante das estruturas, por exemplo, através de um gesto técnico específico que não é realizado corretamente ou até mesmo por fatores externos como o uso de calçado impróprio. Este tipo de lesão associa-se a todos os desportos que envolvam um tipo de treino maioritariamente aeróbio como é o caso, por exemplo, da corrida de fundo, ténis e ciclismo.

Podemos subdividir as lesões desportivas de acordo com o tecido afetado, em lesões de tecidos moles, onde se incluem as lesões de ligamento, músculo e tendão e em lesões esqueléticas, onde se incluem as lesões do osso.

Tanto a carga de treino como a adaptação são fatores essenciais na prevenção de lesões. Procure a melhor solução e elimine fatores externos que o possam colocar em risco de lesão, tais como: condições climatéricas, hidratação, alimentação, tipo de superfície na prática desportiva e até o descanso.

Salientamos a importância do conhecimento dos seus limites e da aquisição de noções básicas de treino, de modo a realizar adaptação progressiva ao esforço. Em caso de lesão, aconselhamos vivamente à procura de uma equipa multidisciplinar diferenciada, que lhe permita o retorno célere à sua atividade física ou desportiva.

O tratamento de uma lesão desportiva não deve se iniciar sem uma avaliação médica inicial, dispondo a ComCorpus um vasto corpo clínico, que irá assegurar a comunicação adequada entre o médico e o fisioterapeuta que acompanhará o paciente. Poderão ser prescritos exames e análises para melhor identificação da patologia. Para realizar sessões de fisioterapia na ComCorpus, deve realizar previamente a sua consulta de Medicina Física e de Reabilitação  ou de Medicina desportiva com um Médico Fisiatra da nossa equipa.

Se precisa de tratamento para lesões desportivas, entre em contacto com as nossas Clínicas de Fisioterapia em Lisboa.

Patologias

A Lesão Desportiva
Tendinite Entorse do Tornozelo Lesões Musculares dos Isquiotibiais Rotura do Tendão de Aquiles Síndrome do Túnel do Tarso Cotovelo do Golfista ou Epitrocleíte Entorse no joelho Lombalgia ou Dor Lombar Lesões da coifa dos rotadores Periostite tibial ou Canelite Fascite plantar Artrite e Reumatismo Tendinopatia do Tendão de Aquiles Trocanterite ou Bursite trocantérica ou Síndrome doloroso do grande trocânter Tenossinovite de Quervain Escoliose Torcicolo Epicondilite
Acordos
Fale Connosco

Telefone 214 010 733 *
info@comcorpus.pt
* – Custo de chamada para a rede fixa nacional

PT
PT

A visita ao nosso site implica a concordância com os nossos Termos Legais, incluindo o uso de «cookies».

Ok